in ,

Tudo que você precisa saber para se casar na praia

Imagens: Reprodução

Que tal dizer o tão esperado “sim” à beira da praia? Se os noivos tem esse sonho, porque não realizá-lo? A certeza é de um cenário dos mais românticos e belo… E quem é que um dia não pensou em se casar em um ambiente assim? Se for decidir por isso, comece por escolher uma praia onde o acesso seja fácil para todos, inclusive, para os prestadores de serviços necessários para a cerimônia. Consulte as condições climáticas e tabela de marés antes de marcar o horário e o dia “D”. Isso feito, comece a fazer um check list para não se esquecer de nada. Tire um dia para visitar a praia escolhida e informe-se nas redondezas sobre as dificuldades de acesso. Consiga com a prefeitura local uma autorização para a realização do evento, informando dia, hora e número de convidados. Trate também de garantir o celebrante da cerimônia, pois devido à distância, isso pode ser um complicador, se for deixado para última hora.

Para uma ambientação à beira mar, aqui vão algumas sugestões de acessórios de decoração de praia. Graças a esses itens, que acabam conferindo um espírito romântico descontraído, seu casamento à beira da praia poderá transformar-se num pedaço do paraíso. Mas atenção, o fato do cenário ter um pano de fundo paradisíaco não quer dizer que a pessoa que irá cuidar da decoração não pense minuciosamente em cada detalhe, deixando ainda mais encantador o local escolhido.

Use fibras, palhas trançadas e folhas de palmeira para base de toda a decoração, que poderá ser misturada a conchas, velas, cocos verdes, vasos de barro, galhos secos pintados de branco, tudo arrematado com voil e flores. Existe uma gama enorme de temas marinhos que poderão ser explorados com criatividade. Faça um arco ou tenda e enfeite com flores e os elementos escolhidos para a decoração. Até o chão poderá ficar lindo se você, simplesmente, fixar a decoração diretamente na areia da praia.

Nos móveis utilize ou não cobertura como toalhas e capas nas cadeiras. Eu prefiro móveis de praia nus, até por causa do vento característico do litoral que pode detruir os aranjos de mesas e aparadores. Mesas e cadeiras de madeira ficam lindos quando pintados de branco – podem ficar bem rústicos mesmo, tipo pátina, com detalhes marinhos pendurados ou amarrados. Que tal mandar fazer uns leques com fibras ou folhas de palmeira e enfeitar as cadeiras que comporão a nave da cerimônia? Quem se sentar, além de utilizar o leque, poderá levá-lo como lembrança. Nas mesas substitua as toalhas por jogos americanos de fibras ou folhas. Fica lindo!

Veja que com acessórios simples, você confere um ar natural praiano ao seu casamento, entretanto, se quiser poderá dar toques de sofisticação e sonho aos ambientes. Para isso, escolha um horário a tarde, tipo 17 horas, quando ainda há luz natural. Aliás, esse é o horário ideal para a noiva entrar na nave Iluminada. Mas, atenção, não se atrase, pois a luz natural do cair da tarde vai embora rapidamente. A decoração salpicada de pontos de luz como arandelas, velas acesas, candeeiros, tocheiros, darão aquele toque de sonho sobre o qual estou falando. Se cair a noite esse efeito praia vai pro brejo!

Crie um mini altar, abuse dos gazebos e lounges e enfeite-os com bandeirinhas de rendas, laços de voil, bouquês de flores, tudo isso mesclado a objetos marinhos e materiais em forma bruta (pedras, cipós, madeira). Ah, use conchas e pérolas nos pequenos detalhes, pérolas são perfeitas para um casamento na praia. Elas podem estar por todo canto. Organizei um casasamento num balneário, onde aluguei um grande aquário cheio de peixes e elementos marinhos, fazendo-o de apoio para o buffet e em cada mesa, coloquei pequenos aquários onde nadavam um casal de peixinhos ornamentais. Ficou lindo!

Para dizer o sim com os pés na areia, a noiva pode ficar descalça ou usar calçado rasteiro, caprichando no detalhe da  sandália ou tornozeleira. Nós separamos exemplos charmosíssimos para serem reproduzidos, artesanalmente, até por você mesma. As tornozeleiras deixam as solas dos pés nus, fazendo você ficar em contato direto com a areia. Veja se calçada assim o noivo não vai ficar a seus pés?

Os trajes de todos os envolvidos na cerimônia desse tipo de casamento deve ser descontraído, mas isso não quer dizer relaxado, heim! Apenas corte os excessos, mantendo toques elegantes em tudo. Durante o dia todos deverão estar de roupas claras. Uma consulta prévia aos anfitriões deverá ser feita para saber detalhes do estilo da cerimônia, se a noiva e madrinhas estarão de longo ou curto etc. Veja só que graça o traje dessa daminha com os pajens – simples e corretos para a ocasião – minha ressalva são os sapatos dos meninos, que eu trocaria por mocassins claros ou sandálias. Coloquei também essa imagem de lapela com motivo marinho para o noivo e padrinhos. As convidadas podem optar tanto por curtos como por longos, contanto que o tecido seja vaporoso e claro. Lembre-se que o branco, off-white e pérola são as cores exclusivas da noiva!

Nos pés opte por sandálias, caso o casamento seja diretamente na areia da praia, não há dúvidas que a escolhida é a rasteirinha. Para os convidados o ideal é usar calça de sarja caki ou outra cor clarinha, acompanhada por camisa casual em linho ou algodão. Podem calçar sandálias ou sapatos mocassim, de lona com solado de corda, vale até enrolar a barra da calça, estilo pescador. Tudo isso deverá ser combinado previamente para não arriscar ficar deconectado. A noiva deve optar por um modelo de vestido descomplicado, escolhendo um tecido fluido na cor branca, off white ou pérola. Pode abusar do voil, mousseline e rendas, entretanto, deve evitar brilhos desnecessários, que ficariam “over” num ambiente tão natural quanto a praia. Veja só essa noiva diante de uma arara repleta de opções, que bem poderiam fazer sucesso num casamento à beira-mar.

Os cabelos da noiva devem ser de uma deusa, abusando das tranças e coques desconstruídos, com detalhes charmosos como guirlandas ou travessas com motivos marinhos. Não se esqueça de garantir a fixação firme de suas madeixas pois o vento sempre sopra à beira mar. A maquiagem deve ser leve, coloridos em tons de rosa ou nude, tudo combinando com o ar natural escolhido para a cerimônia.

O buquê… ah, o buquê seria lindo se conseguisse reunir conchas de vários tamanhos, num arranjo original como esse da foto!

Por favor, não utilize utensílios como pratos e talheres de plástico, isso estragaria todo o clima natural da festa, além de ser de mau gosto. Opte pelos talheres e pratos de porcelana ou então, coloque esses itens da festa em madeira ou bambu. Sim, eles já existem! Pesquisei para facilitar a sua vida, mas encontrei fornecedores somente fora do país. Nos EUA tem no Target. Se você conseguir esse material por aqui,  vai arrasar, porque além deles serem produzidos a partir de matéria-prima renovável, são produtos biodegradáveis e podem ser enterrados ou jogados no lixo, voltando em pouco tempo a fazer parte do ecossistema. Não tem sentido fazer um casamento lindo desses pecando no item sustentabilidade, não é mesmo?

No menu abuse dos frutos do mar, saladas coloridas e refrescantes. Aproveite para pedir ao buffet que apresente alguns pratos com elementos em formatos marinhos. Podem recortar os folhados em forma de estrelas do mar, por exemplo, e por aí vai. O ideal mesmo é o serviço volante de mini porções (finger foods), empratados ou tapas. Se a cerimônia for pela manhã faça um brunch, que é a mistura do café da manhã e almoço, uma opção chiquérrima! Falarei sobre brunchs em outro post. No caso de uma festa mais demorada e se o ambiente comportar, ofereça um almoço ou jantar em buffet montado, lembrando-se de optar por alimentos leves. Peça para o bar servir drinks tropicais dentro de cocos verdes ou abacaxis. Na sobremesa, não poderá faltar sorvetes de frutas. Ah, pensou que eu iria me esquecer dos docinhos e do bolo de noiva? De jeito nenhum… nas festas são meus preferidos! Aí vão algumas sugestões mais ou menos descontraídas, você escolhe.

Eternize esse momento de sonho com lindas fotos e filme, pois o ambiente paradisíaco lhe dará essa oportunidade. Tenha boa vontade com o fotógrafo e explore cada cena, cada cantinho, principalmente à luz do por do sol. Você não se arrependerá. Para finalizar, ofereça lembrancinhas com o tema da festa. Faça tags personalizadas onde constem os nomes dos noivos e data do casamento. Os convidados irão adorar ganhar chinelos para andar pelas areias e kits com amenidades para banho. Esses são presentinhos que ficam  perfeitos como lembrança de seu sonho à beira mar!

Conselhinhos que considero úteis:

– No décor, abuse do branco e do bege, podendo usar um pouco de cor também, mas cuidado para não exagerar e descaracterizar o ar natural e claro da praia.

– Em vez de arroz, escolha distribuir tubinhos personalizados de bolinhas de sabão para serem sopradas quando os noivos saírem da nave, vai ser um charme e as fotos sairão lindas!

– Bole cestos de lixo feitos com fibras naturais e espalhe pelo ambiente.

– Personalize sua festa de casamento, colocando o nome dos noivos e data do casamento, amarrando tags com motivos marinhos  nas lembranças e mimos que for oferecer aos convidados.

– Quando contratar o som tenha o cuidado de elaborar uma seleção condizente com um balneário, nada de coral e músicas muito tradicionais. Para não errar, pesquise ou peça sugestões de um playlist ao DJ. Alguns hits não podem faltar na sua festa.

– Elabore roteiro detalhado com o mapa de acesso ao local do casamento e envie aos convidados junto com o convite.

– Escolha um local seguro e iluminado para servir de estacionamento, já que na areia os carros poderão atolar. Lembre-se, ainda, que é embaixo de coqueiros que cocos maduros caem, portanto essa é uma opção de sombra ruim para o estacionamento.

– Caso entre os convidados hajam muitas crianças, contrate um serviço de entretenimento infantil para os pequenos.

– Pesquise pacotes nos hotéis existentes no entorno para oferecer opções de hospedagem para os convidados que quiserem pernoitar no local.

7 Comments

Leave a Reply
  1. Rose como sempre você arrasa em tudo que se propõe a fazer. Não sei se um dia casarei de novo, meu momento cinderela já passou. Mas se eu for casar novamente um dia, com certeza quero você como minha cerimonialista, minha mentora. Adorei todas as ideias e sugestões, já fui a vários casamentos na praia e achei o máximo, pois, como você mesma disse o cenário já é paradisíaco, aconchegante e intimista, só basta retoques bem feitos para se tornar um dia inesquecível.

  2. Ameiii as dicas!!
    Irei me casar numa praia artificial a beria de um rio, e estou a procura de dicas e estou fazendo tudo com detalhes de conchinhas e mimos bem românticos e se tiver mais dicas, me envie por e-mail…tipo os chinelinhos queria umas sugestôes.
    Bjokas e obrigada!

  3. Humm, adorei todas as dicas. Quero fazer meu casamento na praia, mas no entanto, não usarei a mesma para o jantar, pista de dança… Pretendo alugar uma casa de praia na beira mar, e fazer a apenas a cerimônia na praia. Mas as dicas foram fabulosas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entenda o uso do terço em casamentos religiosos