in

E vai rolar a festa!

Querida observadora, esta semana o Observatório Feminino está completando o seu primeiro mês de existência e por isso, o assunto do meu post não poderia ser mais propício: como planejar uma festa!

 

Muitas de vocês devem se sentir inseguras diante do compromisso de receber convidados em casa para uma festa. Algumas não sabem nem por onde começar. A data vai chegando e nada de inspiração, aliás, você ainda não tem nem noção do número de convidados, não sabe calcular a quantidade de comida, de bebida…vai chegando o dia “D” e o friozinho na barriga só aumenta. Desesperada, você já pensa numa desculpa esfarrapada para escapar dessa que pode ser uma roubada! Calma, nada de pânico, respire fundo e repita comigo: ninguém nasce sabendo!

 

 

Dizem que receber é uma arte, e é mesmo. Ser uma boa anfitriã, requer treino, boa vontade e um pouco de organização. Comece com uma festa menor, descontraída, poucos convidados e à medida que for se sentindo segura, organize outras mais formais e elaboradas. Um bom planejamento poderá ajudá-la a preparar aquela recepção impecável, inesquecível… tudo organizado e supervisionado por você mesma. Alguns conselhos irão ajudá-la a despertar seu “savoir-faire” e arrancar elogios de seus convidados no final. Se tem que haver uma primeira vez, então, prepare-se, porque vai rolar a festa!

Para isso, siga o passo-a-passo abaixo, respondendo às perguntas:

1. Porquê ?

Defina o motivo de sua festa. Tenha clareza da finalidade, pois é nessa hora, que você deverá decidir também qual vai ser o formato da festa: brunch, coquetel, almoço, jantar. Estilo: americano, regional, tradicional, formal, mais clássico, descontraído na piscina. Qual o horário e qual a duração? As respostas a este item determinarão os passos seguintes do seu planejamento.

2. Quanto gastar?

Uma das etapas mais importantes do planejamento. O orçamento irá ditar até onde você poderá ir nos itens seguintes com o nível de sofisticação da festa. Anotar tudo é fundamental para que todos os gastos fiquem visíveis, cortar ou acrescentar de acordo com o orçamento e encontrar um ponto de equilíbrio aceitável. Lembrando que o importante não é o quanto você vai gastar, mas o carinho e requinte com que cuidará de cada detalhe da festa.

3. Quem convidar ?

Aqui, ficará definida a lista dos seus convidados. Calcule o número e o estilo dos convidados (família, amigos, relações profissionais). Você pode listar pessoas que não se conheçam, entretanto, tenha certeza que terão afinidades entre si e que possam ter prazer em estar juntas, principalmente, numa festa pequena. No dia da festa, faça as apresentações e deixe-os à vontade para que se entrosem. Evite convidar aquelas pessoas desagradáveis, de baixo-astral ou do tipo “mala”, porque você vai arriscar ter um ambiente pesado, quando o que queria era exatamente o contrário. Faça os convites pelo menos com 2 semanas de antecedência. Para ter certeza do número de convidados, coloque R.S.V.P. no convite. Caso se trate de evento mais informal, confirme as presenças pelo telefone mesmo, no momento em que estiver convidando.

4. Onde?

Este item está diretamente ligado ao item anterior. O número de pessoas irá depender do local de que você dispõe, dos recursos humanos (ajudantes) e de suas possibilidades financeiras. Não convide mais pessoas do que seu espaço comporta, nem ultrapasse o valor limite estipulado. Caso verifique que sua casa é desproporcional ao número de convidados, parta para a escolha de um outro local compatível. Se sua festa for na parte externa da casa, lembre-se de verificar as condições atmosféricas para providenciar toldos, caso haja possibilidade de chuva ou sol intenso. Ah… Não alugue antes de ver esse tal toldo, exija que as partes metálicas estejam pintadas de novo, com a cobertura perfeita, sem rasgos ou descosturada. Você poderá se aborrecer se esquecer de checar esses detalhes!

5. Vai precisar de ajuda?

Aqui está, na minha opinião, a dica mais importante. Quando a festa for de média a grande não se superestime, qualquer que seja o gênero de festa, você necessitará de colaboração. Não se iluda. A menos que você tenha poderes como Samantha da série “A Feiticeira”, querida, você não vai conseguir arcar sozinha com todos os itens da festa: envio de convites, compras de ingredientes, faxina, confecção do cardápio, arrumação e decoração do ambiente, serviço de buffet… e ainda, estar pronta no horário,  linda, loira e sorridente – à porta de casa – para receber seus convidados! Isso dito, durante o check list, seja sincera e veja quais os itens que necessitam de apoio e peça ajuda de amigos, distribua as tarefas com seus funcionários ou contrate alguns serviços. Isso não diminuirá em nada seu mérito de boa anfitriã.

6. O que servir ?

Após resolver as questões preliminares acima, chegou a hora do pensar no cardápio. O que beber? O que comer? Que tipo de serviço? Esses itens também dependerão do estilo de sua festa e de seu orçamento. Certifique-se entre seus convidados se existe alguém com restrição alimentar (alergia, vegetariano, diabético etc.) e planeje de acordo para que essa pessoa também se sinta prestigiada. Se você não conta com pessoas competentes para atender sua cozinha, é melhor optar por pratos feitos por você mesma, frios ou quentes, que já possam ficar totalmente acabados e dependam apenas de um aquecimento rápido na hora de serem servidos. As bebidas podem ficar expostas em lugares estratégicos para que os próprios convidados se sirvam. O tempo de duração da festa conta muito. Em uma festa animada de muitas horas, espera-se que as pessoas comam e bebam muito mais. Previna-se sem desperdiçar. A quantidade correta de alimentos e bebidas também entra neste item. Para facilitar esse cálculo, consulte como base a tabela de quantidade de consumo por pessoa.

7. Com o quê você pode contar?

Esta lista é extensa, difícil citar todos os itens aqui. Trata-se dos recursos materiais de que você necessita e dos que você já dispõe: mesas e cadeiras, toalhas e guardanapos, porcelanas, talheres e copos, objetos de adorno em geral, utensílios de cozinha, depósitos para gelar bebidas, fogão, forno etc. Se você não tiver todos esses itens importantíssimos para apoiar seu evento, poderá alugar desde taças simples de vidro, até os mais finos cristais e pratarias para compor seu ambiente, incluindo freesers, mobiliário etc. Nem pense em fazer isso por telefone, procure visitar algumas empresas antes de contratar os serviços para não se decepcionar com o estado de conservação das peças no dia da festa. Sobre este item tenho uma última opinião: não use descartáveis na sua linda festa, por favor! Eles são tão deselegantes… além de contribuir para aumentar, consideravelmente, o lixo de material plástico gerado por todos nós. Reflita!

8. Com ou sem crianças?

Se está pensando em uma festa onde os convidados possam chegar acompanhados de seus filhos saiba que, em geral, as crianças não se divertem em festas de adulto, se você não programar algo que os distraia, provavelmente, ficarão aborrecidos. Reserve um local agradável, com entretenimento e comidinhas de que gostem para a felicidade e paz da nação infantil. Não se esqueça de manter alguém de olho nessa turminha para evitar que eles escapem para áreas de piscinas, subam em janelas, entrem na cozinha. Todo cuidado é pouco para evitar acidentes. Caso você não tenha esse espaço ou realmente não queira crianças inquietas correndo pela sala, sugiro que avise aos convidados que sua festa é somente para adultos. Isso é perfeitamente aceitável, desde que você dê a notícia com naturalidade, educadamente e com antecedência para que seu convidado providencie baby sitter.

9. Som e iluminação?

Não negligencie essa parte, pois o som ambiente ajuda e muito a criar o clima desejado, basta que você dedique um tempinho a mais para programar uma seleção de músicas de acordo com o tema de sua festa. Hoje temos a ajuda dos computadores, leitores de MP4, iPad, iPhone, iTudo… Mas, aconselho para festa com mais de 40 convidados, que você contrate um DJ, ou combine com um amigo que goste de música e não se importe de ficar responsável por essa parte. Certifique-se que a execução da seleção que fez cobre todo o tempo do evento para não ficar repetindo o repertório. Veja também se é necessário complementar seu equipamento com caixas acústicas etc. Teste antes o funcionamento de todos os equipamentos eletrônicos. Caso sua festa seja a noite, poderá alugar iluminação especial, com ou sem efeitos. Lembro-me bem de ter organizado uma festa que pretendia ser apenas boa, mas por causa da seleção de músicas do DJ, somada aos efeitos de iluminação, acabou bombando!

10. Como decorar?

Este é o item que provocará maior impacto em seus convidados, por isso, não deixe para improvisar a decoração no último momento. Pense com antecedência, compre o que precisar, pense em que lugar posicionará as mesas, o balcão do buffet, a pista de dança, a mesa do bolo e dos doces e tudo mais que se relacionar ao item decoração. Preocupe-se em ser coerente com o tema escolhido. Encomende as flores dos arranjos, não se esquecendo do lavabo. Pense em dar um ar de festa aos ambientes onde os convidados circularão. Velas perfumadas acesas e bem posicionadas ficam um charme, além de perfumar o ambiente. Seja criativa, ouse, ou inspire-se em algo não tão inédito, mas que você viu e gostou. Caso não tenha muito jeito pra decorar, chame uma amiga para ajudá-la. Mas se quer mesmo arrasar, contrate um bom profissional do ramo, diga-lhe o tema e opine nas cores das toalhas, na escolha das flores, nos objetos decorativos e em tudo o mais que seu coração mandar porque, querida… a festa é sua!

Gostou dessas dicas? Espero que sim. Quando fizer sua festa envie-nos as fotos e escreva-nos dizendo como foi. Queremos contar sua experiência aqui. Um beijo e até a semana que vem!

 

7 Comments

Leave a Reply
  1. Em pleno final de ano, com festas e confraternizações as dicas acima chegaram em bom momento pra ajudar a muita gente. Porque planejar uma festa não é tão simples assim, como também nem precisa de muitos recursos financeiros, mas a criatividade é de grande importancia. Como se diz por ai “Os pequenos detalhes é que faz a diferença”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Semana Carioca do OF!

Dior e o Natal da Printemps